registe-se
recuperar password
Guimarães
Subiu o número de praticantes federados
Aumentou o número de praticantes federados nos clubes desportivos de Guimarães em comparação com a época passada

O número de praticantes federados nos clubes desportivos de Guimarães aumentou em comparação com a época passada, uma subida que representa 10,4% em relação a 2018.
Este é um dos resultados apurados pelo levantamento anual ao número de praticantes federados no concelho de Guimarães, em estudo realizado pelo Centro de Estudos do Desporto e que dá continuidade à primeira aferição efetuada em 2018.
A recolha de dados relativos à época desportiva 2018/2019, permitiu concluir que no concelho de Guimarães existem 35 modalidades desportivas federadas que envolvem um total de 7287 praticantes, dos quais 6079 são do género masculino e 1208 são do género feminino.

Os dados obtidos apontam para uma diminuição do intervalo que separa praticantes femininos e masculinos, verificando-se que a percentagem de praticantes femininas subiu de 13% (2018) para 17% (2019). Ainda assim, a percentagem de mulheres que praticam desporto federado em Guimarães (17%) é inferior à média nacional (29,7%). Percentualmente, é na patinagem artística que há maior prevalência de atletas do género feminino (91%), seguido da ginástica (88%), voleibol (84%), rope skipping (80%) e taekwondo (54%).
Em termos de modalidades com maior número de praticantes federados, o futebol domina (3301), seguindo-se o ciclismo (639), o karaté (322), o futsal (320), o andebol (233) e o voleibol (225). Relativamente às modalidades com menor número de praticantes são elas a natação de águas abertas (1), triatlo (2), boccia (3) e campismo e montanhismo (11).
Considerando os escalões é ao nível dos seniores que se regista maior número de praticantes federados (3329) o que poderá explicar-se pelo facto de se tratar de um escalão que abrange um período mais significativo da prática desportiva, ao contrário dos escalões de formação que abrangem, por regra, duas épocas. Constata-se ainda, que entre os escalões de sub14/sub15 e juniores há uma progressiva diminuição do número de atletas que poderá explicar-se pelo facto da transição entre estes escalões coincidir com períodos de mudanças significativas a nível pessoal e escolar dos jovens praticantes (passagem do 3.º ciclo para o ensino secundário e deste para o ensino superior).

O levantamento efetuado também considera os praticantes federados envolvidos no desporto para pessoas com deficiência, de acordo com dados recolhidos junto da CERCIGUI e APCG. Assim, o número total de praticantes federados é de 41 distribuídos pelas modalidades de boccia (3), multiatividades (18), natação adaptada (3) e desporto equestre adaptado (17).
Este estudo anual de praticantes federados nos clubes de Guimarães permite comparar dados relativamente à época 2017/2018 e introduz algumas melhorias de análise, necessárias para harmonizar o enquadramento de praticantes por escalões de referência e aproximar, o mais possível, a leitura estatística da realidade. Entre as dificuldades sinalizadas pela equipa de recolha contam-se as especificidades de cada modalidade, a estrutura e organização das diferentes federações, épocas desportivas não coincidentes e a necessidade de harmonizar escalões para se obter uma leitura final coerente.

O estudo sobre o número de praticantes federados no concelho de Guimarães tem por objetivos determinar o número de modalidades em contexto de prática federada e o número de praticantes federados inscritos a título individual ou em clubes locais, distribuídos por escalões, género e prática federada adaptada.
A recolha de informação para este estudo foi efetuada entre 2 de janeiro e 15 de fevereiro de 2019 junto de federações, associações regionais e alguns clubes desportivos de Guimarães, cuja excelente colaboração contribuiu positivamente para o resultado final.  

voltar
Até 1 de março
Reino da Diversão no Multiusos de Guimarães
Pista de Gelo, montanha russa, carrosséis e festa do chocolate num megaevento para todas as idades
ler mais
Inscrições abertas
Jornadas de Exercício Físico no Pré e Pós Parto
Tempo Livre promove no dia 7 de março as I Jornadas de Exercício Físico e Saúde no Pré e Pós Parto
ler mais

Liga Mini 2020
Liga Mini conta com a participação de cerca de 800 atletas dos escalões mais jovens
ler mais
7 de março de 2020
Lucas Lucco em Guimarães
Um dos maiores fenómenos da música atual do Brasil de regresso ao Multiusos de Guimarães
ler mais
13 de março e 17 de outubro de 2020
Rui Sinel de Cordes
Digressão "O Início é o Fim" de Rui Sinel de Cordes com espetáculos agendados para o Multiusos de Guimarães
ler mais
2 de abril
Ana Carolina
Ana Carolina celebra 20 anos de carreira no Multiusos de Guimarães com o espetáculo da digressão "Fogueira em Alto Mar"
ler mais
16 de maio
Tony Carreira - Tour "Estou aqui"
Tony Carreira regressa ao Multiusos de Guimarães com o espetáculo da Tour "Estou aqui"
ler mais
Desporto
Tempo Livre reforça aposta na formação
Através do CED-G (Centro de Estudos do Desporto de Guimarães), Tempo Livre apresenta plano formativo abrangente e transversal
ler mais
2019
Multiusos de Guimarães bateu recorde
Superado em 2019 o recorde de número de eventos realizados num só ano
ler mais

Cidades Ativas, pessoas (mais) Felizes
Especialistas europeus participaram em Guimarães no Seminário Internacional “Cidades Ativas, pessoas (mais) Felizes”
ler mais

Guimarães promove envelhecimento ativo
Escola de Medicina da Universidade do Minho elabora estudo para avaliar projeto “Vida Feliz”
ler mais
Gala do Desporto
Guimarães distinguiu mérito desportivo
Gaspar Gonçalves distinguido com o prémio "Homenagem" e Gustavo Castro com o prémio "Carreira". Atribuídas 5 bolsas de formação
ler mais
 
Design por Martino & Jaña Design | Desenvolvido por Webprodz