registe-se
recuperar password

Guimarães promove envelhecimento ativo
Escola de Medicina da Universidade do Minho elabora estudo para avaliar projeto “Vida Feliz”
Com cerca de 1000 participantes, distribuídos por mais de 40 promotores locais, o projeto Vida Feliz proporciona aulas de atividade física, de hidroginástica e de ginástica sénior, através de uma intervenção diferenciada, à qual acresce um número significativo de iniciativas complementares, de cariz lúdico desportivo, passíveis de tornarem a vida das pessoas mais ativa e mais feliz. Através de um protocolo celebrado com Instituto de Investigação em Ciências da Vida e Saúde da Universidade do Minho (ICVS) “será possível avaliar e mensurar ao pormenor” a eficiência do projeto.
No arranque das atividades de 2019/2020 foram anunciados alguns resultados com base nos dados recolhidos conferindo desde logo o aumento de força e resistência dos membros superiores e diminuição do peso corporal numa mostra dos utentes do projeto “Vida Feliz”, apresentados por Margarida Correia Neves, professora da Universidade do Minho.
A vice-presidente da Câmara de Guimarães, Adelina Pinto, destacou a “mudança de paradigma” na sequência do envelhecimento da população e o aumento da esperança média de vida. “Há uns anos Guimarães era um dos concelhos mais jovens da Europa, mas isto mudou e também temos de mudar a nossa forma de atuar e decidir”, vincou Adelina Pinto, “através de um processo de construção e que nunca estará terminado”, adiantou ainda a vice-presidente da autarquia. O importante é “proporcionar qualidade de vida aos nossos idosos”, assente num projeto que abrange um elevado número de participantes e ao qual se associa agora a Universidade do Minho. “É importante contar com o apoio da Universidade, através da investigação, no sentido de avaliar os resultados e assim ajudar na orientação da decisão política”, definiu Adelina Pinto.
O presidente da Tempo Livre, Amadeu Portilha, assumiu uma “responsabilidade maior” nas respostas que pretendem desenhar, anunciando ainda novos passos ao nível da formação para os professores que integram este projeto.
O vice-presidente da Escola de Medicina da Universidade do Minho, Jorge Pedrosa, enalteceu o trabalho desenvolvido pela Câmara de Guimarães na resposta às necessidades da população sénior, destacando a possibilidade de garantir uma dimensão internacional ao projeto “Vida Feliz”, através de artigos de investigação que anualmente são publicados. “Este projeto Vida feliz é muito importante para Guimarães e poderá ser apontado como um exemplo a seguir”, salientou.
Aquando da abertura oficial do Vida Feliz 2019/2020 foi promovida pela mega-aula de ginástica na Academia de Ginástica de Guimarães.
O projeto visa proporcionar à população sénior com mais de 55 anos, do concelho de Guimarães, uma atividade física regular e devidamente orientada tendo em vista a melhoria da sua qualidade de vida, sensibilizando-os para a adoção de em estilo de vida saudável.
A Escola de Medicina da Universidade do Minho, a ACES do Alto Ave, o Hospital da Luz e o Guimagym são, entre outros, parceiros do projeto Vida Feliz.
Em atividades realizadas no ano transato, os utentes do Vida Feliz participaram, por exemplo, no Reino da Diversão (desfrutando gratuitamente dos carrosséis), assistiram ao jogo de futebol entre as equipas do Vitória Sport Clube e do Boavista (25ª jornada da Liga Nos), ao histórico jogo andebol em que a seleção de Portugal venceu a França (seis vezes campeã do Mundo, três da Europa e duas olímpicas), jogaram Golfe e experimentaram “Walking Football” (“futebol a andar”) e Boccia.

voltar
Intervenções já estão em curso
Tempo Livre reforça condições das instalações
Para garantir todas as condições de higiene, segurança e acolhimento logo que seja autorizada a reabertura ao público
ler mais

Obras de requalificação no Pavilhão do Inatel
Intervenção visa melhorar as condições de utilização, a resolução de infiltrações e adaptar às novas recomendações de segurança
ler mais
Estudo Tempo Livre
Hábitos de atividade física
Redução da atividade física com maior impacto em maiores de 65 anos e nas mulheres
ler mais
20 de setembro
Luccas Neto no Multiusos
Youtuber brasileiro apresentará no Multiusos o espetáculo "Luccas Neto e a Escola de Aventureiros"
ler mais
Desporto
Tempo Livre reforça aposta na formação
Através do CED-G (Centro de Estudos do Desporto de Guimarães), Tempo Livre apresenta plano formativo abrangente e transversal
ler mais
2019
Multiusos de Guimarães bateu recorde
Superado em 2019 o recorde de número de eventos realizados num só ano
ler mais
Gala do Desporto
Guimarães distinguiu mérito desportivo
Gaspar Gonçalves distinguido com o prémio "Homenagem" e Gustavo Castro com o prémio "Carreira". Atribuídas 5 bolsas de formação
ler mais
 
Design por Martino & Jaña Design | Desenvolvido por Webprodz